Portugal - México
Novas rotas de negócios
Portugal - México
Novas rotas de negócios
previous arrow
next arrow
Slider
logo-portugalconnect

O projeto "Portugal Connect", promovido pela Câmara de Comércio e Indústria Luso-Mexicana, tem como objetivo reforçar o processo de internacionalização das empresas portuguesas no mercado mexicano, e limítrofes, principalmente nos setores dos moldes, máquinas e ferramentas indústria e plásticos.

Notícias e Eventos

Webinar – Oportunidades de Internacionalização no México para o setor dos Plásticos

Oportunidades de Internacionalização no México para o setor dos Plásticos é tema do próximo webinar organizado pela Câmara de Comércio e Indústria Luso-Mexicana

Cortiça Benicia é novo membro da Câmara de Comércio e Indústria Luso-Mexicana

A CCILM congratula-se com a chegada deste novo membro e anseia que a parceria crie novas oportunidades de comercialização e exportação de produtos de cortiça e cápsulas de madeira para o mercado mexicano.
Webinar CCILM – Empresas portuguesas devem aproveitar ajudas para internacionalizar e investir no mercado mexicano

Empresas portuguesas devem aproveitar ajudas para internacionalizar e investir no mercado mexicano

Webinar da Câmara de Comércio e Indústria Luso-Mexicana contou com a participação de oradores nacionais e internacionais que foram unanimes ao concluir que existe margem negocial para as empresas portuguesas deste setor.
Webinar – Oportunidades de Internacionalização no México para o setor das Máquinas e Ferramentas para a Indústria

Webinar – Oportunidades de Internacionalização no México para o setor das Máquinas e Ferramentas para a Indústria

Oportunidades de Internacionalização no México para o setor das Máquinas e Ferramentas para a Indústria é tema do próximo webinar organizado pela Câmara de Comércio e Indústria Luso-Mexicana.
A Câmara de Comércio e Indústria Luso-Mexicana (CCILM) realizou, no dia 27 de maio, o segundo Webinar integrado no projeto Portugal Connect, desta vez sobre Oportunidades de Internacionalização no México para o setor dos Moldes, que contou com 5 oradores convidados e cerca de 50 participantes. João Faustino, Presidente da Associação Nacional da Indústria de Moldes em Portugal (CEFAMOL) começou por apresentar o posicionamento da indústria. «Portugal encontra-se entre os principais fabricantes de moldes a nível mundial, nomeadamente, na área da injeção de plásticos (8º no mundo, 3º na Europa), exportando cerca de 85% da produção total.», afirmou. Os três principais destinos das exportações portuguesas do setor são a Espanha, a Alemanha e a França, mantendo-se a preponderância pelo mercado europeu. Estes valores representam 80% do total de exportações dos 10 últimos anos Quanto aos principais clientes da indústria de moldes, João Faustino denotou que a indústria automóvel tem mantido a sua importância no desenvolvimento do setor, representando 71% da produção nacional de moldes em 2020. Para o presidente da CEFAMOL «a indústria automóvel é muito importante devido ao conjunto alargado de capacidades que existem no setor em Portugal. Somos fornecedores de clientes com manufatura no México, logo existe um grande investimento produtivo das empresas nacionais instaladas no México». O apoio bancário aos processos de internacionalização foi o tema de Luís Castro e Almeida, CEO do Banco Bilbao Vizcaya Argentaria (BBVA) em Portugal. O CEO explicou que «o BBVA está presente em 30 países, sendo possível fornecer um conhecimento muito grande das necessidades dos mercados e das empresas que exportam e comercializam a nível internacional». Em cada um dos países onde o BBVA tem escritórios existe uma equipa de global coordinators com a função de ajudar no processo de exportação e internacionalização, para «retirar as pedras do caminho, ajudar as empresas a crescer, a tornarem-se maiores do que são», afirma o responsável do banco em Portugal. Luis Rossano, CEO da Blue Quak Group no México – Especialistas na fabricação de moldes e injeção de plástico com operações na América e na Europa, falou sobre as oportunidades existentes para a indústria, que considerou «avassaladoras», pois Portugal tem uma grande técnica, qualidade e compromisso no setor dos moldes e também graças ao tratado entre EUA e a União Europeia e à renegociação do tratado dos EUA com o Canadá e o México. No entanto, embora a qualidade das máquinas e dos produtos fabricados pelo setor seja notável, existe um défice de mão de obra, de técnicos formados e especializados que ajudem a corresponder à procura. «Mesmo que haja muitas máquinas é preciso haver técnicos, há falta de técnicos», considerou o responsável. Eduardo Medrano, presidente da Asociación Mexicana de Manufactura de Moldes y Troqueles (AMMMT) no México falou do ponto de vista do mercado mexicano, considerando que o tratado de livre-comercio tem muitas vantagens e está a posicionar o México como principal fornecedor. O maior problema referido foi a «falta de níveis de desenvolvimento. O México fabrica peças pequenas e médias, mas tem muitas limitações no fabrico das maiores e mais complexas», afirmou. José Carlos Gomes, CEO da GLN em Portugal, partilhou o processo de internacionalização da empresa referindo as vantagens e os maiores desafios que encontraram ao entrar no mercado mexicano. A principal vantagem é a estabilidade que o setor apresenta, uma vez que tem vindo a crescer em grandes quantidades nos últimos anos, muito mais no México do que na Europa. «O mercado mexicano é muito grande, cerca de 3x superior à capacidade de produção de Portugal, o que juntamente com a escassez de mão de obra, torna-se no principal desafio.», afirmou José Carlos Gomes. A estratégia principal é a formação técnica local, com investimento na formação e experiência dos colaboradores para aumentar o poder de fabrico e a criação de um ecossistema, em que as empresas poderão ganhar poder geográfico ao se entreajudarem e fazerem parcerias. «Os recursos humanos e as associações entre empresas são de extrema importância e necessárias para alcançar o ecossistema. A chave do negócio vem de formar técnicos qualificados, que é o maior desafio para a indústria». Este foi o segundo de quatro Webinars integrados no projeto Portugal Connect. O terceiro já tem data marcada para o dia 29 de Junho e será sobre as Oportunidades de Internacionalização no México para o setor das Máquinas e Ferramentas para a Indústria.

Formação técnica de profissionais é desafio para a indústria dos moldes

A Câmara de Comércio e Indústria Luso-Mexicana realizou, no dia 27 de Maio, o segundo Webinar integrado no projeto Portugal Connect. O desafio atual para as empresas da indústria dos moldes integradas no mercado mexicano é a formação de técnicos.
Membros CCILM – Empresa de soluções energéticas ECOCHOICE

Membros CCILM – Empresa de soluções energéticas ECOCHOICE

Ecochoice é membro da Câmara de Comércio e Indústria Luso-Mexicana e comercializa soluções integradas de energia. Esta parceria teve uma grande importância no estabelecimento de relações entre a empresa e o mercado mexicano.
Segundo Webinar Portugal Connect - Oportunidades de internacionalização no México para o setor dos Moldes

Webinar – Oportunidades de internacionalização no México

A CCILM vai realizar no dia 27 de maio, às 16h, o segundo Webinar - Portugal Connect, desta vez sobre Oportunidades de Internacionalização no México para o setor dos Moldes. A participação é gratuita, mas sujeita a inscrição.
assinatura-protocolo cooperação entre a NovaSBE e a CCILusoMexicana

CCILM e Nova SBE cooperam para aproximar Portugal e México

Facilitar e desenvolver contactos económicos, culturais e académicos entre Portugal e o México e estreitar relações são alguns dos propósitos que justificaram a renovação do protocolo de cooperação.
acessoria-protocolos

Protocolos

A celebração de acordos entre entidades e instituições portuguesas e mexicanas permite a diversificação das suas áreas de intervenção.

icon-assessoria-comercial

Assessoria Comercial

A Câmara de Comércio e Indústria Luso-Mexicana oferece um conjunto de serviços que visam apoiar as empresas na sua internacionalização.

icon-eventos

Eventos

A Câmara de Comércio e Indústria Luso-Mexicana promove e divulga diversos eventos relacionados com Portugal e o México.

icon-missoes

Missões

As empresas, através da Câmara, podem efetuar visitas ao país importador, beneficiando de assessoria, apoio logístico e jurídico nos locais a visitar.

Vídeos

Scroll to Top